Eita! Mas quantos termos em inglês no título desse post! Mas não teve jeito, os elementos que utilizei na composição ficaram mais conhecidos por esses nomes… Ah! Já mostro o look e aproveito pra mostrar também o meu pixie hair pela primeira vez aqui no blog!

Vinyl pants! Quem diria que um dia ainda iria usar as calças da Mulher Gato? E o melhor: que elas estariam tão em alta na moda?

Eu só tenho a agradecer, pois sempre morri de vontade de usar calças de vinil. Essas são da Renner.

Falando em vontade, outra que matei foi a de usar cabelos curtíssimos raspados com máquina, no estilo pixie! Ensaiei a vida toda, mas agora que estou platinada recebi o chamado e só tenho algo a dizer: porque esperei tanto?

É muito pratico de arrumar (e desarrumar), só dá trabalho o fato de ter que cortar toda hora (cresce muito rápido) e por isso tem refazer a cor com mais frequência (em um corte o platinado da lateral vai embora). 

Foco na cintura! Os cintos-espartilho, ou corset belts, são um dos acessórios mais fortes da temporada.

(Imagem: Take Off Your Colours)

Diferente das nossas ta ta ta ta ta ta ra vós, que os usavam por baixo da roupa, como lingerie, a pedida da vez é utilizá-lo por cima das peças mesmo, principalmente para dar forma aos looks oversized, como camisas, chemises, camisetões e vestidos de moletom. A graça e elegância é conquistada justamente pelo fato da peça sensual estar sobreposta a looks bem larguinhos, dando aquela acinturada super bem vinda!

Os materiais e formatos são bem variados, tanto com a amarração lace-up, que está super em alta, como com fivelas e ilhoses, na parte da frente ou na parte de trás do corset.

A peça pode ser meramente decorativa ou ser funcional mesmo, acentuando as curvas e até diminuindo alguns centímetros da região da cintura, como um espartilho de verdade. Inclusive, alguns itens das coleções de Verão 2018 já estão vindo com seu próprio corset acoplado ou amarrações que simulem as suas formas.