Se tem um estilo que amo demais é usar lingerie à mostra. Além de lindo, é elegante e sensual, na medida certa.

Se você também é fã desse truque de moda, já deve conhecer a marca Daniela Tombini, que tem peças incríveis de lingerie, daquelas que rendem looks incríveis no dia a dia.

Tops

A ideia de usar sutiãs e tops de lingerie expostos é sucesso, seja por baixo de blazers, casacos e transparências ou como acessório, por cima de uma camiseta. E, claro: tá valendo inclusive usar a lingerie como a própria blusa (e nada mais)!

Para um visual mais descolado e jovial, é interessante focar no hi-lo, misturando lingeries mais sofisticadas com peças mais informais e básicas, como as confeccionadas em jeans.

Continue lendo >>

A influência dos Anos 90 é soberana na moda atual, então nada mais esperado do que a volta da tendência que irei mostrar neste post:

gostei-e-agora-vestido-com-camiseta-01

Sim, agora é a vez de reviver o estilo a la Patricinhas de Beverly Hills e criar um look descolado usando uma camiseta por baixo do vestido. A combinação mais cool é a do slipdress, aquele modelo tipo camisola (que está com tudo), com uma tee bem basicona.

gostei-e-agora-vestido-com-camiseta-02

Quanto mais simples a camisetinha e mais delicado o vestido, mais interessante é o contraste gerado. Por isso, materiais como cetim, seda e renda são super bem vindos no vestido, assim como as alças bem finas. Quanto a camiseta, apesar do branco ser aposta certa, é possível brincar com as cores e estampas. Dá até para se jogar num mix!

Uma das grandes vantagens desse visual, além de ser mega estiloso, é poder usar aquele vestido decotadão de um modo mais confortável, seja para se proteger do friozinho ou naqueles dias em que não se deseja deixar muita pele exposta. E também é um jeito de se usar aquele vestido com mais cara de noite durante o dia, para ir a qualquer lugar!

Pessoalmente, no começo nunca fui muito com a cara da ideia, mas amei as combinações com listras… e achei o resultado dos looks mais minimalistas, sem muito detalhes, mega fofo e divertido!

Tá aí algo diferente para se tentar… você usaria?

A deusa do grunge Courtney Love assinou uma coleção inteirinha para a Nasty Gal. O que isso significa? Seus icônico estilo totalmente traduzido e ao alcance do público!

gostei-e-agora-courtney-love-para-nasty-girl-01

Amo o visual de Courtney justamente por unir vertentes que sempre me atraíram: a de princesa, romântica e menininha e a rocker, desconstruída e agressiva. Sem falar que ela é uma referência musical na minha vida desde criancinha, por influência da minha irmã mais velha.

gostei-e-agora-courtney-love-para-nasty-girl-4

gostei-e-agora-courtney-love-para-nasty-girl-03

A coleção veio exatamente como tinha que ser, recheada de vestidinhos com cara de camisola (ou camisolas com cara de vestidinhos). Courtney sempre adorou usar peças íntimas como vestimentas para sair na rua mesmo, ideia que, aliás, é bem presente na moda atual, na tendência boudoir. Tudo isso em meio ao ar delicado de coroas de princesa e decadente de meias rasgadas e chokers.

gostei-e-agora-courtney-love-para-nasty-girl-5

gostei-e-agora-courtney-love-para-nasty-girl-02

O melhor de tudo? Nasty Gal entrega no Brasil! Ou seja: dessa vez não ficaremos só chupando o dedo!

Quer conferir tudo? Veja aqui.

Continue lendo >>