De cara limpa! #‎stopthebeautymadness

Hoje estou fazendo um post que jamais imaginei que fosse fazer para o blog um dia. Fotos totalmente sem maquiagem e sem filtro algum. Fui desafiada pelas amigas dos blogs Cabideiro e Passaneura a realizar esta tarefa, numa campanha bem legal, #stopthebeautymadness (Pare a Loucura da Beleza) e cá estou fazendo. E, ao contrário do que sempre acreditei, não foi tão difícil o quanto imaginei. A sensação de liberdade supera qualquer coisa!

E para provar que estou corajosa, você não vai ver só uma foto minha sem maquiagem e sem filtro. Vai ver várias! Hahaha!

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-02

Bom, essa sou euzinha, acordo com essa cara aí. Não estou usando nenhuma make mesmo, inclusive aquela maquiagem “engana bofe”, trabalhada na paleta dos nude, que as mulheres usam para parecer que estão sem maquiagem (e acabam fazendo as amigas do delineador e batonzão parecerem “as artificiais”). E olha que sofri para tirar os resquícios de lápis preto dos olhos. Acho que usei por tanto tempo seguido que impregnaram em mim, hehehe!

Aposto que meus familiares e próximos devem estar chocados com essa minha postagem, pois sou daquelas que não vai nem até a padaria sem batom. Eu amo batom, o colorido que ele dá, expressa muito da minha personalidade? Sim! Mas não vou negar que, muitas vezes faço isso só pelo medo de sair na rua com a cara totalmente limpa. O batom é meu escudo. E isso está um tiquinho errado, não? Não deveria me sentir obrigada a vestir escudo algum para ir a lugar nenhum.

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-03

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-09

Confesso que provavelmente essas foram as primeiras fotos sem maquiagem que tive coragem de tirar desde que virei “mocinha”. Triste, né?

E esses é um dos motivos pelo qual o movimento “Stop The Beauty Madness” foi criado, para que mulheres como eu parassem com essa bobeira e se aceitassem. O universo feminino inteiro está intoxicado por maquiagem. O que acontece é que muitas vezes vemos aquelas mulheres maravilhosas e intocáveis nas capas de revista e não queremos nos sentir intimidadas. Mas esquecemos que elas também estão utilizando todos os recursos para extrair o melhor que puderem da sua imagem. Elas também são gente e usam óculos escuros gigantes num desembarque internacional, pois também têm o mesmo receio que nós de aparecer com a maquiagem zoada (ou sem ela) após horas de voo, ainda mais na frente das câmeras. A pressão surge lá no topo e chega até nós mortais de forma tão massacrante o quanto. O que esquecemos é que todo mundo é mortal.

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-06

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-07

Mas calma, de maneira alguma digo que sou contra maquiagem. Eu sou é super fã, pois adoro as possibilidades de brincar com formas (como no uso da sombras e dos delineadores) e cores (principalmente nos lábios). Gosto de trocar de maquiagem como troco de roupa. Seria entediante se olhar no espelho todo dia com a mesma cara, né? O que é preocupante é o uso de maquiagem como máscara. E estou falando isso para eu mesma, que preciso trabalhar isso de uma maneira mais intensa dentro de mim.

E sou fã sim, de usar a maquiagem para realçar o que você tem de mais bonito. Por que não? O que não é legal e sadio é se condicionar a só fazer certas coisas se você estiver usando o artifício. Lembre-se: por trás de toda maquiagem, só existe gente como a gente. E gente tem poros, marquinhas, olheiras, acne. É humano.

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-10

gostei-e-agora-de-cara-limpa-stop-the-beauty-madness-04

Vamos nos permitir!

E você? Qual sua relação com o uso (ou não) da maquiagem?

Batons MAC Retro Matte – Flat Out Fabulous, Relentlessly Red, Dangerous e All Fired Up

Quando a MAC anunciou o lançamento de uma coleção só com o opaquíssimo acabamento Retro Matte, o mesmo do queridinho Ruby Woo, a comoção foi geral. Era uma edição limitada, mas o sucesso foi tanto que 4 das 7 cores lançadas entraram para a linha permanente da marca. E são essas que irei resenhar neste post.

Eis as belezuras:

gostei-e-agora-flat-out-fabulous-relentlessy-red-dangerous-all-fired-up-mac-retro-matte-swatches-01

Flat Out FabulousRelentlessly Red, Dangerous e All Fired Up. Com certeza você já ouviu falar muito de pelo menos um deles, né? E não é a toa, são tons lindíssimos!

gostei-e-agora-flat-out-fabulous-relentlessy-red-dangerous-all-fired-up-mac-retro-matte-swatches-02

Vamos aos swatches:

gostei-e-agora-flat-out-fabulous-relentlessy-red-dangerous-all-fired-up-mac-retro-matte-swatches-03

Pigmentação show e cor intensa em todos. Na luz natural não possuem brilho algum.

Apesar de serem Retro Matte, não são tão horrivelmente secos como o Ruby Woo, que precisa arrastar com força para a cor soltar na boca. Se alguém tem o RiRi Woo (da Rihanna), a textura ao passar é a mesma: um Ruby Woo mais gentil com os lábios, hehehe!

E na minha boca, como ficaram? A seguir, fotos na luz natural (sem flash):

gostei-e-agora-flat-out-fabulous-relentlessy-red-dangerous-all-fired-up-mac-retro-matte-swatches-03

As amostras acima foram feitas sem flash, para que se pudesse ter uma real noção do acabamento Retro Matte, bem opaco e sequinho, com zero brilho. Se quiserem conhecer melhor as opções de acabamento da MAC, visite esse post onde explico tudo direitinho.

Já as fotos que mostrarei a seguir foram feitas com flash, para mostrar bem a cor de cada um deles:

gostei-e-agora-flat-out-fabulous-mac-retro-matte-swatch

Flat Out Fabulous é… bem… o Flat Out Fabulous! Hehehe! Ok… um pink uva, bem puxado roxo, no meio termo entre um fúcsia e um violeta.

Lindo o fio, viu?

gostei-e-agora-relentlessly-red-mac-retro-matte-swatch

Relentlessly Red é aquele tom enlouquecedor que fica entre o rosa e o vermelho, difícil de definir, numa versão bem acesa.

Um detalhe que aconteceu, pelo menos na minha bala, é que ele é um tiquinho translúcido… uns 10%. Ainda dá para ver o fundo de cor natural dos meus lábios. Mas isso não prejudica em nada a intensidade e poder da cor fabulosa. Outra coisa: é o que mais marcou imperfeições (talvez por esse detalhe de leve transparência).

gostei-e-agora-dangerous-mac-retro-matte-swatch

Dangerous é um laranja bem avermelhado. Ou um vermelho bem alaranjado. Como preferir, hahaha! Arrasa quarteirão, meu amor…

gostei-e-agora-all-fired-up-mac-retro-matte-swatch

All Fired Up tem cor de framboesa. Apesar de ainda ter um fundo avermelhadinho, já começa a puxar para um tom de berry. Para efeitos de comparação, é mais fechado e rosado do que o Relentlessly Red (que pode-se dizer que é um framboesa mais avermelhado e vibrante). É o mais escuro dos quatro.

Note que nas fotos feitas com flash os batons parecem ter um leve brilho, mas é só reflexo da luz. Isso non ecziste!

Impossível dizer qual é meu preferido, já que todos são maravilhosos. Mas All Fired Up me surpreendeu! Acho que é o mais bonito.

Preço Batons MAC Retro Matte

Aqui em nosso Brasil varonil, cada batom MAC custa R$ 66,00. São vendidos nas lojas físicas e na loja online da MAC, além de revendas, como a Sephora. Já nos EUA, sai por US$ 16.00.

Você tem algum deles? Qual seu preferido?